Negociar ou investir – o que escolher?

Investir e negociar são as principais formas de ganhar dinheiro no mercado de ações. Alguns não entendem qual é a diferença entre esses conceitos, outros não conseguem decidir o que fazer. O que é mais lucrativo – negociar ou investir? Esta pergunta é frequentemente feita a traders e investidores profissionais.

Neste artigo, descobriremos como investir difere de negociar, quem pode ganhar dinheiro mais rápido, quais são os riscos e qual é o valor mínimo com o qual você pode entrar no mercado em ambos os casos.

Negociação e investimento: qual é a diferença?

As profissões de trader e investidor são muito semelhantes. Cada um deles ganha dinheiro com a diferença de preço entre compra e venda. Apenas o período de tempo em que a transação ocorre muda.

Um trader é capaz de obter resultados mais rápidos e brilhantes em pouco tempo: em segundos, dias, uma semana. o objetivo principal comerciante – faça um acordo e obtenha lucro instantaneamente. investisseurs – estes são jogadores de longo prazo. Na maioria das vezes, um investidor poderá obter lucro, ou seja, lucro líquido, somente após um ano ou vários anos.

Quem ganha mais: comerciante ou investidor?

É claro que um trader poderá ganhar mais dinheiro durante o dia do que um investidor. É um fato. Porém, para isso, é preciso estar sempre no contexto do mercado, monitorar todas as situações atuais por meio de gráficos e passar muitas horas no computador. Acontece que um pequeno prazo para abertura de transações só pode ser aproveitado por quem tem como profissão principal o trading, e não há distrações. É claro que, durante o mesmo período de tempo, a percentagem de lucro do trader será muitas vezes superior à do investidor. O lucro de um trader depende do número de negociações bem-sucedidas. Os especuladores profissionais não estão limitados no seu teto de rentabilidade: já houve casos de 1000% ao ano. A principal tarefa então é não perder lucro.

Vérifier:  Compartilhamento de preferências

O rendimento de um investidor dependerá do quão agressivo é o seu portfólio. Na maioria dos casos, um retorno de 25% ou mais é considerado elevado para um investidor. O rendimento é cumulativo e depende diretamente de quantos dividendos são recebidos de cada ação e de como crescem os preços e a demanda por ações na carteira do investidor.

Prós e contras de negociar e investir

Para trabalhar como trader é preciso investir muito tempo. É impossível fazer transações bem-sucedidas sem entender como funciona o mercado de ações. Se você está apenas se familiarizando com ele, ainda está no estágio inicial e combina a negociação com outros trabalhos, então em qualquer caso você terá que primeiro se tornar um investidor e escolher um prazo maior para suas transações. Dessa forma, você pode se concentrar em sua atividade principal sem se distrair constantemente com citações.

Acontece que apesar da oportunidade de obter lucros elevados, ao negociar você terá que gastar muito mais tempo do que ao investir: monitorar constantemente gráficos e notícias, rastrear sinais para fazer transações, realizar análises técnicas, aprender e desenvolver neste tópico.

Ao investir, você também precisa dedicar tempo e atenção à análise, mas menos do que ao negociar. A principal tarefa de um investidor na fase inicial é estudar a fundo a empresa cujas ações vai comprar e determinar se ela é adequada para investimento de longo prazo ou não.

Outra característica da negociação é que as decisões precisam ser tomadas quase instantaneamente, e isso sempre acrescenta estresse adicional. Para se tornar um profissional da área é preciso ser uma pessoa resistente ao estresse, concentrada e atenta. Ao sentar-se para negociar, é importante ser capaz de desligar as emoções e abordar as transações com a cabeça fria. Ao investir, você tem a oportunidade de avaliar tudo com calma, tomar uma decisão e comprar ações.

Vérifier:  Vantagens e desvantagens de investir em ações

Escolhendo uma estratégia

Uma vez que tanto ao investir como ao negociar existem certos riscos de perder os fundos investidos, você precisa escolher sua estratégia de negociação corretamente e estudar cuidadosamente tudo o que terá que lidar.

É importante para o investidor verificar o histórico da empresa em cujas ações vai investir seu dinheiro, saber com que regularidade são recebidos os pagamentos de dividendos, como a empresa se comprovou no mercado e quais as perspectivas de seu desenvolvimento lá são. Ao investir, os especialistas sempre contam com a análise de indicadores fundamentais. Uma vez feita uma escolha, o investidor não se preocupará com as flutuações de curto prazo nos preços das ações, uma vez que é um ator de longo prazo, e tais flutuações não terão importância no longo prazo.

O trader depende de análises técnicas para realizar transações. É importante para ele entender como o valor das ações mudará no futuro próximo, ele precisa identificar um padrão e prever o movimento das cotações. Tudo isto também é influenciado pela actual situação económica e política, o que significa que um trader precisa de estar atento às últimas notícias e acontecimentos. É graças à análise competente e à recolha de dados que ele reduz os seus riscos.

A análise técnica na negociação prevê como os preços das ações irão mudar, concentrando-se nas mudanças regulares no passado em circunstâncias semelhantes.

Valores mínimos de investimento

Investir é principalmente uma renda passiva. Todas essas palavras de que os investimentos estão ao alcance de todos mesmo com 1.000 rublos são verdadeiras, porque é possível comprar algumas ações com esse dinheiro. Porém, se formos honestos, devemos admitir que é impossível viver de dinheiro de investimento com tantos ativos. Para uma renda passiva, com a qual você pode realmente garantir uma vida de qualidade, você precisa de um capital de 10 milhões de rublos. A opção ideal é investir muito capital, que não será necessário num futuro próximo, em investimentos. Nesse caso, o dinheiro certamente funcionará para você. Na negociação, você pode começar com pequenas quantias. Ao realizar transações bem-sucedidas, esses valores crescerão e se multiplicarão. Mas não se esqueça dos riscos em ambos os casos – você pode perder tudo, e às vezes até mais do que o seu investimento, se usar alavancagem.

Vérifier:  IIS ou conta de investimento individual

É impossível responder de forma inequívoca à pergunta: “O que é melhor: negociar ou investir?” Você precisa compreender todos os prós e contras e avaliar adequadamente seus recursos e riscos. Em qualquer caso, se você está no contexto do mercado, entenda, então quem você é – um trader ou um investidor – duas ou três vezes por ano, quando o mercado dá e dispõe, o que significa que você pode encontrar ideias muito ricas para transações especulativas e aumente sua porcentagem geral de retorno. Mantenha o controle, comece pequeno, cresça, estude o mercado. Ao se desenvolver no tema negociação e no tema investimento, você aumenta seu capital.

Leia também

  • Negociar na bolsa de valores do zero. Por onde começar e como cometer menos erros
  • Quanto dinheiro você precisa para negociar no mercado de ações?
  • Pagamento de dividendos

O que é melhor escolher – investir ou negociar? É importante entender qual é a diferença. Os investidores negociam nos mercados financeiros usando estratégias de longo prazo. Os traders fazem mais negociações e investem de forma mais agressiva e especulativa. O que você deve prestar atenção ao escolher o estilo que melhor combina com você?